Paraibuna

Município de pequeno porte (17.724 habitantes, 2014), baixa densidade demográfica (21,89 habitantes/km2; Estado de São Paulo – 171,92), baixo grau de urbanização (30,15%) e discreto predomínio feminino da população, que é jovem em comparação ao Estado e região. A análise das pirâmides demográficas (Acesse o infográfico) mostra o acompanhamento da tendência nacional de redução da fecundidade e mortalidade infantil, e aumento da expectativa de vida. A taxa geométrica de crescimento da população de 2010 a 2014 foi positiva (0,48aa), abaixo do que o Estado (0,87) e da Região (1,16). A renda per capita (R$ 558,87) é inferior à renda da Região e do Estado (853,75) e 28,07% dos domicílios, segundo o Censo de 2010, possuíam renda de até ½ salário mínimo. A taxa de analfabetismo (9,22%) é maior do que a do Estado (4,33%) e do que a da Região (3,52%).
Esses índices caracterizam o município como tendo baixos níveis de riqueza e baixos indicadores sociais, o que não reflete no bom acesso e organização da rede de saúde. A população é jovem e cresce o que implica em demandas também crescentes para a rede de serviços de saúde.

(Dados: Fundação Seade, perfil municipal, consulta em 07 de Outubro de 2014)

Esses índices caracterizam o município como tendo altos níveis de riqueza em relação à região, porém, essa riqueza não se reflete nos indicadores sociais, o que influencia o acesso e a organização da rede  de  saúde.

A população  é  jovem  e  cresce,  tanto   por   crescimento vegetativo como por migração, o que implica em demandas também crescentes para a rede de serviços de saúde. (Dados: Fundação Seade, perfil municipal, consulta em 07 de Outubro de 2014) (Dados: Fundação Seade, perfil municipal, consulta em 21 de novembro de 2015).

Página em construção.
 

PLANEJAMENTO

TERRITÓRIO

Uso do solo

CIDADE

LOCALIDADES

CULTURA, IDENTIDADES E CONEXÕES

 O reservatório de Paraibuna é formado pelas barragens do Paraibuna e do Paraitinga e abrange uma área total de 224 km² com 204 ilhas, sendo visto como uma espécie de "caixa d'água", responsável pelo fornecimento de água para 15 milhões de pessoas no Vale do Paraíba e em boa parte do estado do Rio de Janeiro.

A capacidade total do reservatório é de 4,732 bilhões de metros cúbicos, já incluindo a reserva existente do volume morto. Se considerarmos a quantidade total de litros, a represa de Paraibuna pode armazenar 47,320 bilhões de litros de água.
Construída na década de 1970, o reservatório paraibunense possui águas consideradas de tipo 1, ou seja, não apresentam nenhum tipo de poluente. No referendo da ECO 92, ganhou como a represa mais bem conservada ecologicamente no Brasil.
Fonte: <http://www.paraibuna.sp.gov.br/noticia.php?Id=1873>

Região central da cidade de Paraibuna, às margens do Rio Paraíba do Sul.

Trip Bike de Paraibuna onde os ciclistas percorreram as ruas da cidade, passaram pelo Bairro do Chororão e seguiram para o Bairro da Lagoa, na divisa de Paraibuna com Redenção da Serra, num percurso de 36 quilômetros.