Piquete

Município de  pequeno porte  (13.884 habitantes, 2014), baixa densidade demográfica (78,89 habitantes por km2; Estado de São Paulo – 171,92), alta urbanização (93,65%) e discreto  predomínio feminino da população, que é idosa em comparação à Região e Estado (16,6% da população tem 60 anos ou mais, no Estado o percentual é de 13,2%). A análise das pirâmides demográficas (Acesse o Infográfico) mostra o acompanhamento da tendência nacional de redução da fecundidade e mortalidade infantil e aumento da expectativa de vida.  Enquanto a região e o Estado vêem sua população crescer, a taxa geométrica de crescimento da população de 2010 a 2015 foi negativa (-0,41 a.a). A renda per capita (R$ 595,08) é inferior ao valor da região e do Estado (R$ 853,75) e  26,8% dos domicílios, segundo o Censo de 2010, possuíam renda de até 1/2 salário mínimo. A taxa de analfabetismo (4,8%) é maior do que a do Estado (4,3) e região.

Na análise do índice de responsabilidade social (IPRS) calculado pela Fundação Seade, Piquete passou do grupo 4 (municípios que apresentam baixos níveis de riqueza e níveis intermediários de longevidade e/ou escolaridade), em 2010 para Grupo 5 (municípios mais desfavorecidos, tanto em riqueza quanto nos indicadores sociais), em 2012. Possuía IDHM 0,757 em 2010 (para comparação, o IDH do Estado era 0,783).

Os indicadores sociais, incluindo o baixo índice de saneamento (77,2%), a população idosa, esparsamente distribuída pelo território trazem desafios socioespaciais   que   devem    ser    considerados    na

organização do sistema de saúde. Dados:Perfil Municipal, Fundação Seade Consulta em 22 de novembro de 2015.

Página em construção.
 

PLANEJAMENTO

TERRITÓRIO

Uso do solo

CIDADE

LOCALIDADES

CULTURA, IDENTIDADES E CONEXÕES

O Pórtico de Piquete é um marco arquitetônico, urbanístico e histórico da cidade. Hoje tombado como patrimônio histórico, foi construído pela Fábrica Presidente Vargas para ser inaugurado em 15 de novembro de 1955. A inauguração, porém, foi adiada em quatro dada a transição política conturbada entre os governos Getúlio Vargas, que se suicidara em 1954,  e Juscelino Kubitscheck. Na inauguração, era presidente interino Nereu Ramos. Não houve participação de representatnes do governo federal, mas soldados e alunos do Departamento educacional desfilaram sob o pórtico, sob aplausos da população. Piquete acompanhava a movimentação política nacional.

Fonte: http://www.netpiquete.com.br/2012/10/historia-do-portico-piquete.html

A Política Ambiental do país envolveu Piquete, que se situa em uma área de proteção ambiental. Cercada por montanhas, picos e cachoeiras, a cidade investiu em um novo setor econômico, o turismo de aventura. O principal atrativo da cidade é o Pico dos Marins, que, a 2.422 de altura, permite a vista de todo o Vale do Paraíba e das Serras da Mantiqueira e do Mar.

http://www.piquete.sp.gov.br/ponto_historico.php

A história de Piquete se materializa na preservação e criação de novas funcionalidades em suas Fazendas Coloniais, como a Fazenda Santa Lídia.  A Fazenda foi construída em 1832, na época do café, quando Piquete ainda pertencia à Vila de Lorena. Reformada e restaurada em 2000,  com móveis e objetos de época preservados, é atualmente um hotel.

http://www.piquete.sp.gov.br/ponto_historico.php