Tremembé

Município de pequeno porte (43.157 habitantes, 2014), alta densidade demográfica (225,53 habitantes por km2; Estado de São Paulo – 171,92), alta urbanização (91,43%), discreto predomínio da população masculina, com índice de envelhecimento (60,36%) semelhante ao Estado (64,32%) e Região (61,92%). A análise das pirâmides demográficas (Figura 1) mostra o predomínio da população entre 20 e 29 anos, sem grande aumento da expectativa de vida.  A taxa geométrica de crescimento da população de 2010 a 2014 foi alta (1,33aa) e acima que a do Estado (0,87 aa) e Região (1,01aa). A renda per capita (R$ 715,72) é semelhante ao valor da Região (R$ 742,68), mas ainda abaixo do Estado (R$ 853,75) e 20,82% dos domicílios, segundo o Censo de 2010, possuíam renda de até 1/2 salário mínimo. A taxa de analfabetismo (3,86%) é inferior a do Estado (4,33) e região (4,01%).  Esses índices caracterizam o município como tendo menores níveis de riqueza, mas indicadores sociais um pouco mais favoráveis que os municípos da mesma região, o que pode se refletir no acesso e organização da rede de saúde. Segundo o Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), o município não possui mamógrafos, nem na rede privada.

Página em construção.
 

PLANEJAMENTO

TERRITÓRIO

Uso do solo

CIDADE

LOCALIDADES

CULTURA, IDENTIDADES E CONEXÕES

Foi nessa região que começaram as experiências dos monges no plantio da juta e do arroz. Ainda hoje podemos ver os arrozais que enfeitam todo o vale do Paraíba, fruto da ação dos trapistas, os quais com seu voto de silêncio ensinaram os ribeirinhos a arte do plantio do arroz na água.

Fonte: http://www.tremembe.sp.gov.br/

A Estação Ferroviária Paulo Frontin é o local onde a maioria dos eventos acontecem, por ser um espaço aberto e que comporta um grande número de pessoas. Foi inaugurada em 1914; a linha da Central não passava pela cidade. Existia um tramway de bitola de 60 cm que ligava Taubaté a Tremembé, que foi suprimido quando foi construída a variante que fez com que a linha passasse por essa cidade (...) a Central comprou a linha em 1913 e alargou-a em boa parte do percurso aproveitando-a para colocar Tremembé no ramal de São Paulo. Hoje a Estação abriga também um restaurante que oferece costela e cerveja artesanal e se transformou em um point para turistas de diversas idades.

A Basílica do Senhor Bom Jesus representa hoje um dos maiores centros de peregrinação da região, passou por diversas transformações e recebeu do Papa Paulo VI o título de Basílica Menor, que são basílicas de importância para a fé católica, porém localizadas fora de Roma.

Fonte: http://www.tremembe.sp.gov.br/pontos-turisticos/